Oposição insegura


A imagem acima é uma composição original deste blogue a partir de imagens do Parlamento na sessão de apresentação das moções de censura do PC e do BE. O texto seguinte, em itálico, é do blogue
A MAFIA PORTUGUESA

António José Seguro foi especialmente convidado para um jantar "discreto" num hotel "discreto" em Cascais, no passado dia 17 de Março, a convite de cerca de 1.000 maçons.

Já no ano passado, António José Seguro tinha jantado, também num dia 17 - o número de ouro da Maçonaria - em Leiria, onde participou em diversas iniciativas organizadas pela Loja Maçónica Pisani Burnay daquela cidade.

Agora, em Cascais, através dos membros-maçons da célebre e polémica Casa do Sino (CDS), José Seguro pode estar a preparar as hostes maçónico-socialistas-monárquicas a darem-lhe o apoio financeiro e político para a sua candidatura a Secretário-Geral do PS e futuro Primeiro-ministro, em substituição do já tão controverso e decadente José Sócrates.

O jantar, marcado através da Associação Fernando Teixeira (assim designada em honra 1.º Grão Mestre da Casa do Sino) é uma das muitas iniciativas desta instituição para aproximar "irmãos-maçons" da sociedade civil, e assim preparar-lhes o caminho para a fama e para todos os jogos de bastidores políticos ou de possíveis "influências" no xadrez do poder económico de banqueiros, economistas, jornalistas e poder executivo.

Curioso é José Seguro (JS) ter as mesmas iniciais de José Sócrates (JS), iniciais que representam a força da Juventude Socialista (JS) e, como todos sabemos, os maçons utilizam muitas vezes os seus nomes e iniciais como formas simbólicas de continuidade e repetição da história ou como forma de codificar certos objectivos esotérico-simbólicos.


COMENTÁRIO

Eu acho muito injusta esta insinuação. Já repararam nas iniciais de Jerónimo de Sousa? E João Semedo? A não ser que...

Etiquetas: , ,

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home