Olhares míopes sobre a Venezuela

Sabe-se lá porquê…, uma estação de televisão tem feito nos últimos dias referências muito duvidosas à situação política que se vive na Venezuela. Talvez seja a dificuldade de ver o que lhe está (ideologicamente) longe.

O facto é que uma manifestação “de estudantes”, em protesto contra o Governo, desencadeou acções violentas que fizeram três mortos e dezenas de feridos. Mas a notícia é que existem milhares de opositores ao "chavismo".

O que a estação apresenta como notícia, não são os métodos violentos e criminosos de algumas organizações anti-chavistas, na sequência de acções do mesmo tipo desencadeadas noutras alturas; o que o jornalista releva é a existência de oposição como se não houvesse também manifestações a favor e com grande expressão. E faz supor que a violência é desencadeada pelo Governo.

Nem mesmo a EFE que testemunhou os acontecimentos no local, lhe modera o ímpeto, quando esta agência de notícias diz:

Várias cidades venezuelanas foram hoje palco de manifestações a favor e contra o Governo, com a oposição a pedir mudanças e o 'Chavismo' a denunciar um plano para desestabilizar o país. Um grupo que participava numa marcha da oposição separou-se do protesto, junto à Procuradoria-Geral da República, tendo ocorrido depois confrontos com a polícia.

A fotografia seguinte, da Reuters, mostra bem o caracter “pacífico” dos manifestantes que foram confrontados com a polícia!... Para quem protesta contra a falta de segurança, os métodos não poderiam ser mais "adequados"!

Etiquetas: , , ,

1 Comments:

Blogger antónio m p said...

(Caracas, 15 de febrero – Noticias24).- El presidente Nicolás Maduro acusó este sábado al expresidente de Colombia, Álvaro Uribe, de financiar y dirigir “movimientos fascistas” en Venezuela.
(Notícia recortada em http://www.noticias24.com/venezuela/noticia/222379/maduro-acusa-a-alvaro-uribe-de-financiar-y-dirigir-movimientos-fascistas/

16 fevereiro, 2014  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home