Rodrigues dos Santos vs Sócrates


José Rodrigues dos Santos tem sido grosseiramente insultado nas redes sociais por ter, alegadamente, facilitado a vida a José Sócrates na entrevista reproduzida no vídeo abaixo.

Comparados os comentários com o conteúdo, percebe-se que essa crítica não tem qualquer correspondência com a atitude do jornalista. Mas a irracionalidade parece dominar o comportamento humano como voltarei a referir, talvez amanhã, a propósito da Coreia do Norte.

Por agora, além do vídeo, deixo a minha transcrição escrita de dois excertos polémicos da mesma.

José Sócrates - Entre 2008 e 2010 havia uma grave crise financeira internacional provocada pelos mercados, não pelo Estado. Todos os países aumentaram o seu défice e a sua dívida. Agora o problema é entre 2011 e 2013 em que nós estamos concentrados só na austeridade e não no crescimento e o que acontece é que não só empobrecemos como a dívida explodiu. A política de austeridade conduz não apenas ao empobrecimento mas também ao descontrolo da dívida: 130%.

J. Rodrigues dos Santos - Mas em Dezembro de 2010 o senhor faz esta afirmação (mostra cópia de notícia): “A austeridade é (enfático) o único caminho”. O que está a dizer agora é o contrário do que disse nessa altura.
J. Sócrates - (…) Mas nunca separei austeridade, do investimento público. … A diferença é que nessa altura o governo fazia investimento (dá exemplos). Espero que agora tenha percebido. (…) Essa austeridade era diferente desta.
(…)
J. Rodrigues dos Santos - O senhor defendeu que não se fizesse reestruturação da dívida.
J. Sócrates (corrigindo) - Que não se fizesse perdão da dívida.
J. Rodrigues dos Santos (mostrando cópia de notícia)- Tenho aqui uma notícia de Maio de 2011 que diz: “Sócrates garante que em nenhuma circunstância pedirá a reestruturação da dívida…”. (Debate com Francisco Louçã).
J. Sócrates (contestando a redacção da notícia publicada) - Não, eu sempre fui contra o “perdão” da dívida (e não contra a reestruturação) nessa altura como agora.

Etiquetas: , , ,

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home