Primeiros-Ministros

ou: Resposta ao Manifesto dos 70

Às almas dilaceradas pela dúvida e o negativismo, procuramos restituir o conforto das grandes certezas.

Não discutimos Merkel e o Euro
Não discutimos a dívida e os mercados,
não discutimos os prazos e os juros,
não discutimos os cortes e os impostos
Não discutimos os salários e as reformas

Está tudo bem assim e não podia ser de outra forma.

Etiquetas: , ,

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home