Porque hoje é domingo (16)

Não é preciso que isto faça sentido. Tampouco sei se é crença ou é metáfora, mas isso que importa? Como alguém disse, «não devemos permitir que a verdade estrague uma boa história».
Ascensão de Cristo, de Domingos Sequeira
Hoje, 20 de Maio, a Igreja celebra a Festa da Ascensão, isto é, da subida de Jesus ao Céu.

Enfim, o que importa é que depois disto, Jesus Cristo só voltará um dia «para julgar os vivos e os mortos». Se demorar muito já não encontrará vivos os governantes da crise em curso, o que lhes poupará umas merecidas penitências dolorosas que, a ser Deus justo como se diz que é, passariam por ter que viver com ordenado mínimo, ter que pagar juros incomportáveis pela habitação, ter que experimentar o desemprego até à reforma ao nível mínimo… E não sendo isto por eles entendido como penitência mas sim austeridade, oportunidade, adequação à realidade, sofreriam ainda algumas torturas adicionais que apesar de tudo também são correntes nas condições de vida e de trabalho de muitos dos seus governados.

A encontrá-los mortos, o pior que lhes pode acontecer é que Deus os ressuscite para terem que viver no mundo que criaram. O problema é que, se Deus fosse justo, eles nunca teriam sido governantes. Depois, há que ter sempre em conta o que dizem as sagradas escrituras: que Jesus, tendo subido ao Céu, ficou sentado “à direita” de Deus. Isto sim, pode explicar muita coisa…

Etiquetas:

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home