05/01/2015

O que Cavaco não viu em 2014

carregar sobre a imagem para ampliar

1 comentário:

antónio m p disse...

Do discurso:

«Portugal concluiu a execução do programa de ajustamento subscrito em 2011 com as instituições internacionais sem necessidade de solicitar assistência financeira adicional.

A economia está a crescer, a competitividade melhorou, o investimento iniciou uma trajetória de recuperação e o desemprego diminuiu.

É preciso criar condições políticas para que esta tendência se reforce no ano que agora começa».