Divina inspiração

Manel, dono de um bar, quando queria fechar, corria os clientes delicadamente, desligando o ar condicionado e baixando progressivamente as luzes. Dizia que aprendeu com Deus que assim procede nas praias…!

Na verdade, o Manel nunca tinha o bar muito fresco, porque o calor levava os clientes a consumir mais cerveja. Neste particular, não sei se Deus nos dá dias tão quentes pela mesma razão.

Finalmente, o Manel, empreendedor e criativo à imagem do próprio Criador, confrontado com a crise económica, procedeu a uma “reforma estrutural”: montou bar na própria praia, deixando ao seu Mentor a tarefa de controlar a luz e a temperatura.

Etiquetas:

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home